3 de agosto de 2012

E a vida continua...


Entre tantas caixas a minha frente fico a ver quanta coisa tenho e algumas que nem vou usar, porque temos esta mania de entulhar objetos, roupas e tantas outras coisas que nem vamos mais utilizar. Tentei jogar algumas coisas fora, fazer algumas doações, mas não consegui, não é nem por egoismo porque o que já doei roupas, moveis, comida. Quando vim para o Pará deixei meus moveis em uma parte da casa e aluguei o resto para um casal. Quando houve aquela grande enchente a uns quatro anos atras, a amiga de minha filhona perdeu tudo, ela foi até minha casa escolheu alguns moveis que deduzira que não mais usaria e doou para a amiga, pegou a geladeira dela,doou e ficou com a minha, depois me ligou contando o que havia feito. Fiquei de boca aberta pela atitude da Ana Paula, pois ela não é muito fácil com seu gênio, não é todo mundo que gosta, então fiquei imaginando que se fez isso porque realmente havia tocado em seu coração de tomar a decisão naquele momento sem pensar nas consequências  Confesso que fiquei orgulhosa e depois meus moveis não vão resistir até decidir a voltar, talves nunca mais volte a morar lá, só irei para uma visita, quem pode prever os acontecimentos, o futuro.
Enfim fiquei olhando para as fotos, as bonecas das meninas que já largaram e nem querem mais saber delas, dei um banho e lavei as roupinhas, deixarei guardadas para minhas netas, não, elas nem iram curtir este tipo de boneca, deixarei por enquanto pela casa até chegar uma criança e se encantar por elas e brincar, quando for embora ela irá chorar e eu direi que poderá levá-la, afff que deprimente. Parece minha avó quando ficava brava comigo quando deixava as crianças levarem minhas bonecas. Eu acho que não é pelo brinquedo em si e sim pelas lembranças que eles me provocam. Como mãe é boba e olha que já melhorei muito, até deixei a Ana Gabriela ir a um show, tá certo que fiquei mandando mensagens perguntando se ela estava bem, chegou em casa duas horas da manhã, não dormi até ela chegar. Ela dá risadas, no fundo ela sabe que por mais que eu prometa nunca irei mudar.
Saudades, lembranças um pouco deprimente isso tudo, afinal ficamos assim de vez em quando ou de vez em sempre. 
Mas vamos a mais uma caixa a ser aberta o que me espera não sei, não sou daquelas pessoas organizadas que escrevem nas caixas detalhando a que comodo ela pertence, para minha pessoa é descobertas, acho até graça de mim mesma, quando não encontro o que procuro e fico aflita, como uma caixa que uma amiga fez para minha pessoa com lindos girassóis na tampa, não a encontrava de jeito algum e quando a achei a abraçava dizendo lindas palavras para ela, será que é síndrome de solidão? pode ser. Apesar de ter pedreiros perambulando pelo patio, ainda tem muitos arremates para fazer, fico na maioria do tempo sozinha, agora imaginem sem meu blog, estava arrasada poderia ter recuperado ele antes, mas minha internet demorou para ser ligada. Paciência é uma virtude e descobri que a minha esta estourando. Digo para os pedreiros que eles vão passar o Natal conosco até vão ajudar a enfeitar a arvore, colocar os pisca e ainda participar da nossa ceia, pois eles são muito devagar, eles dão risadas, mas também os dias estão cada vez mais ardentes, o sol esta com tudo e não chove a dias, dá uma moleza nos ossos. Aqui eles praticam a hora da siesta, trabalham até meio dia e retornam as três horas da tarde. Banho é umas cinco vezes ao dia. o sol só vai embora umas dezoito e meia a dezenove horas.
Agora mesmo disse a filhinha, amanhã você vai me ajudar né meu amorzinho, ela me olhou dizendo tenho dentista e aula de inglês. Então mais uma etapa de caixas para amanhã.... E vamos nessa.... Alguem me dá uma mãozinha?


Deixa eu parar de reclamar e vamos as boas noticias temos blogagem coletiva novamente, que maravilha, eu adoro. Mais uma vez o Christian do blog Escritos Lisérgicos  esta promovendo, então quem quiser participar é só deixar um recadinho em seu blog, para que todos possam saber que você também esta participando. Mais informações visite este link.






6 comentários :

  1. Um lindo final de semana pra você.



    Beijos


    Ani


    http://cristalssp.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Minha comadre linda que bom que vc voltou
    achei muito a sua falta, fico feliz por ter
    recuperado seu Blog ebaaaaaaa
    Te convido para comer um pedaço de bolo
    no meu niver e do Blog passe por la
    Seu texto é maravilhoso...gostei
    Abraços de bom final de semana
    Bjuss
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá amiga, Verinha!

    Como estás hoje?

    Fiquei contente por teres conseguido recuperar o teu blog e por teres internet. Se um dia precisares de ajuda com o computador, com software, ou novamente com o blog podes contar comigo.

    Parabéns pelo novo visual! Gostei! :)

    Acerca do teu post, é sempre difícil desfazermo-nos das coisas que nos trazem boas recordações. A vida é mesmo assim, às vezes temos de deitar fora o velho para dar lugar ao novo.

    Obrigada pelo comentário e desculpa por demorar a responder-te. Tenho estado a criar desde ontem um novo post dedicado a todos os participantes da 7ª BC do Café Entre Amigos, da Patrícia Galis e também aos que leram e comentaram a minha participação. Portanto, também é para ti.

    Já está publicada! :)

    Um beijinho grande,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá , o seu blog é fofo!Vim te visitar e seguir!Por favor venha me visitar e se gostar seguir também.

    Aproveite e leve o selinho que ofereço para seguidores!

    MEU BLOG: http://euzizi.blogspot.com.br

    BEIJINHOS EM SUA ALMA...

    ResponderExcluir
  5. Verinha, seu blogue não atualizou em meu painel, só hoje e vejo que tem dois posts novos já. Isto é bom, a vida continua mesmo.
    Conheço muita gente que junta uma porrada de cacarecos inúteis e não joga fora. E seu post me fez pensar, talvez para elas, estes cacarecos não sejam inúteis, tenham uma importância sentimental.
    Eu sou muito prático, mesmo sendo a desorganização personificada, o que não tem mais utilidade jogo fora. Para você ter uma ideia, tenho poucos brinquedos guardados de minha infância, afinal, poucos sobreviviam mesmo, eu abria e desmontava tudo. ahahahaha.
    Obrigado pela chamada a Blogagem Coletiva e por ter aceitado participar. Vamos ver o que vai sair dos textos vegetarianos, veganos e carnívoros.

    ResponderExcluir
  6. Realmente, virei fã! To rindo muuiito. Me vi na cena, até porque volta e meia mudo de casa e me vejo com a vida em caixas (literalmente), só não vejo a menor graça (até agora).Portanto, levo o seu selo para os meus cantinhos e estarei aqui muitas outras vezes, com certeza. Beijos

    ResponderExcluir